Decorar + harmonia = Bem Estar

terça-feira, 26 de agosto de 2014

Os benefícios da massagem vão muito além do relaxamento.

Estava lendo esse texto e não me contive em compartilhar a ideia de fazer isso numa pessoal especial.
Que tal fazer em seu "AMOR" ele irá adorar!




Os resultados positivos de uma boa massagem são conhecidos desde antes da passagem de Jesus pela Terra. Consta na história que Hipócrates (460 a 377 a.C.) já fazia uso de técnicas de massagem em seus tratamentos.

Esta sensação prazerosa de relaxamento que se sente após uma boa sessão de massagem é algo com que nosso corpo e nossa mente não estão acostumados a vivenciar.


O corpo com a musculatura inflada pelo aumento do fluxo sanguíneo, nos vasos intramusculares, fica relaxado, com os músculos totalmente distensionados, e esta nova condição do corpo muscular e sistema circulatório irá progressivamente promover alterações benéficas no corpo físico pelos dois ou três dias seguinte à sessão de massagem.

O corpo energético, por sua vez, também se torna mais harmonizado após uma boa massagem. Esta prática promove a desobstrução dos canais de circulação de energia do corpo energético, o que no momento seguinte à sessão de massagem, dará a sensação de leveza e paz interior, e nos dois a três dias subsequentes promoverá um realinhamento dos corpos energéticos o que não só prolongará a sensação de bem-estar como também reforçará o sistema de defesa do organismo.





Para fazer uma boa massagem é importante preparar o ambiente, criar um espaço com pouca luz, música ambiente bem suave e uma aromatização agradável.

Então, com a pessoa deitada de barriga para baixo, com os pés apoiados sobre uma almofada, coloque-se de frente para a planta (sola) dos pés dela.

Com um algodão embebecido em uma loção anticéptica, passe suavemente na planta de ambos os pés, fazendo uma agradável assepsia. Em seguida esparrame uma fina camada, de creme hidratante próprio para massagem, deslizando com a palma das mãos na sola do pé esquerdo.





Continuando esses mesmos movimentos, vá gradativamente aumentando a pressão na planta e no peito do pé ao mesmo tempo. Faça isso por aproximadamente dois minutos. Com o polegar da mão direita execute movimentos circulares na parte posterior do "dedão" e com o indicador apoiando sobre a unha do mesmo "dedão", ao mesmo tempo faça o mesmo movimento com a mão esquerda no "dedinho" do mesmo pé. Repita os mesmos movimentos com as duas mãos nos dedos centrais.





Deslize ambos os polegares para a planta dos pés com os demais dedos dando apoio no peito do pé. Inicie movimentos semicirculares com o polegar esquerdo partindo do meio do pé para a lateral esquerda do pé e o polegar direito partindo do meio do pé até a lateral direita do pé. Comece esse movimento bem próximo dos dedos e repita-o sequencialmente até próximo ao calcanhar por aproximadamente dois minutos.

Com os dois polegares  juntos, faça deslizamentos da parte interna do pé até a parte externa. Em seguida apoie o peito do pé com a mão esquerda e com a mão direita fechada deslize-a com acentuada pressão das falanges proximais (primeira parte dos dedos a partir do centro da mão). Repita essa manobra por quatro ou cinco vezes.





Junte as duas mãos e cruze os dedos, distancie as palmas deixando os dedos cruzados e envolva o calcanhar no meio das mãos, deslize-as suavemente pela lateral do calcanhar até os maléolos (ossinhos saltados acima dos calcanhares). Repita esse movimento em vai e vem por cinco vezes.

Continuando com as mãos pressionando lateralmente os calcanhares faça pressão com os polegares na base do calcanhar em movimento


semicirculares.

Envolva a parte externa do calcanhar com a mão esquerda e com a palma da mão direita pressione fortemente a base do calcanhar girando o pulso para direita e para a esquerda. Para finalizar estenda a mão esquerda sobre a planta do esquerdo e balance suavemente o pé.

Repita no pé direito todos os movimentos na mesma sequência invertendo a posição das mãos.

Com certeza a pessoa que estará recebendo a massagem  já está bem mais relaxado.





Esta é apenas uma das muitas sequências possíveis, com apenas algumas das muitas manobras possíveis de trabalhar os pés.

Imagine poder trabalhar todo o corpo das pessoas com uma grande variação de manobras adequadas para cada região do corpo.

( retirado do texto de Ronaldo Cardim)

Nenhum comentário: